Home > Embrapa

O Desenvolvimento de Cultivares de Forrageiras Tropicais na Embrapa

Desde a sua criação em 1973, a EMBRAPA (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária), tem priorizado a Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) em Forrageiras. Nesse sentido, foram estruturados programas de seleção de gramíneas e leguminosas para a liberação comercial de novas cultivares. Esses programas seguem um esquema de avaliação sistemático e organizado e a seleção de materiais a serem liberados tem como principais objetivos: adaptação a condições de solo e clima, resistência à pragas e doenças e alta produtividade de forragem de boa qualidade.

Durante a década de 70, grande parte das pastagens no Brasil eram formadas com cultivares australianas. Essa situação persistiu até final daquela década, quando os ataques de cigarrinha-das-pastagens se tornaram sério problema para a pecuária brasileira devido à inexistência de cultivares resistentes no mercado. Essa demanda por cultivares resistentes à cigarrinha pôde ser prontamente atendida pelos programas de pesquisa em melhoramento/seleção de forrageiras da Embrapa através da liberação em 1980 do capim andropogon cv. Planaltina (Andropogon gayanus) e em 1983 do capim Marandu (Brachiaria brizantha cv. Marandu). A cultivar Marandu, também conhecida como Braquiarão ou Brizantão, tornou-se o capim mais plantado no Brasil e também uma cultivar muito utilizada em outros países do mundo, principalmente na América Latina.

O sucesso do programa de avaliação/seleção de forrageiras da Embrapa, que resultou numa maior disponibilidade de cultivares no mercado, pode ser atribuído ao massivo investimento em treinamento de pessoas, disponibilidade de material genético de diversos gêneros e espécies, incluindo material nativo; eficiência dos trabalhos de melhoramento/seleção que, realizados regionalmente, puderam avaliar e validar esses materiais em diferentes ecossistemas e à organização do processo de liberação e de estratégias eficientes de produção de sementes das novas cultivares.

 

Centros de Pesquisa

 

EMBRAPA ACRE
Rodovia BR-364, Km 14 (Rio Branco - Porto Velho)
Caixa Postal 321
69900-970 Rio Branco, AC
Fone: (68) 3212-3200 Fax: (68) 3212-3285
[email protected]
www.cpafac.embrapa.br

 

EMBRAPA CERRADOS
Rodovia BR 020, Km 18 (Brasília - Fortaleza)
Caixa Postal 8.223
73301-970 Planaltina, DF
Fone: (61) 3388-9898 Fax: (61) 3388-9879
[email protected]
www.cpac.embrapa.br

 

EMBRAPA GADO DE CORTE
Rodovia BR 262, Km 4
Caixa Postal 154
79002-970 Campo Grande, MS
Fone: (67) 3368-2000 Fax: (67) 3368-2150
[email protected]
www.cnpgc.embrapa.br

 

EMBRAPA GADO DE LEITE
Rua Eugênio do Nascimento, 610, Dom Bosco
36038-330 Juiz de Fora, MG
Fone: (32) 3249-4700
Fax: (32) 3249-4701
[email protected]
www.cnpgl.embrapa.br

 

EMBRAPA PECUÁRIA SUDESTE
Rodovia Washington Luiz, Km 234 - Fazenda Canchim
Caixa Postal 339
13560-970 São Carlos, SP
Fone: (16) 3361-5611 Fax: (16) 3361-5754
[email protected]
www.cppse.embrapa.br

Rua das Paineiras, Lote 06, Torre B, Sala 706 - Ed. One Mall
Águas Claras, Brasília-DF - CEP: 71.918-000 - Fone: (61) 3274-0784

Copyright © 2017 - UNIPASTO - Todos os direitos reservados